AGENDE SUA CONSULTA 

Powered by ChronoForms - ChronoEngine.com

  • cirurgia plastica medibel
  • 1

Perguntas frequentes sobre a Ginecomastia

  • Categoria pai: A Medibel
  • Publicado em Quarta, 06 Agosto 2014 16:53
  • Escrito por Libero Mais
  • Acessos: 1858
  • 06 Ago

O que é a Ginecomastia?

Ginecomastia é uma condição masculina resultante da hipertrofia das glândulas mamárias. É comum em meninos de 11 a 12 anos devido às alterações hormonais ocasionadas na puberdade. É necessário diferenciar a ginecomastia da pseudoginecomastia, que caracteriza-se pelo depósito excessivo de gordura sob o mamilo sem haver aumento do tecido glandular.

 

Como é feito o exame?

O paciente se deita de costas e com as mãos entrelaçadas sob a nuca. O médico palpa a mama, se a análise revelar um tecido firme, mas de consistência elástica, distribuído de forma concentrada ao redor do mamilo é caracterizado como ginecomastica. Na pseudoginecomastia a consistência será de gordura acumulada.

 

Quais as causas da ginecomastia?

A proliferação de glândulas mamárias é resultado de mecanismos do organismo que alteram o equilíbrio entre a testosterona e os estrógenos. No fim da puberdade, antes que a secreção de testosterona tenha alcançado os níveis da vida adulta, o organismo pode produzir maiores quantidades de estrógenos, que são suficientes para causar o crescimento mamário. Homens com idade por volta de 70 anos podem ser afetados pelo hipogonadismo, que resulta numa diminuição da produção de testosterona, o que também afeta o equilíbrio hormonal e pode resultar no aumento das glândulas mamárias.

Outras causas são o hipertireoidismo e a insuficiência hepática, que é mais comum em homens gordos, pois o tecido gorduroso produz enzimas capazes de converter alguns percussores da testosterona em estrógenos.

O uso de diuréticos, anti-hipertensivos, cimetidina (usada para reduzir a acidez gástrica), anabolizantes e remédios usados no tratamento de câncer de próstata pode hipertrofiar as mamas.

 

Como tratar a ginecomastia?

Para que o tratamento seja eficaz é necessário que a causa seja identificada, e só um médico especialista é capaz de identificar e indicar o melhor tratamento. Se houver hipogonadismo, por exemplo, o tratamento mais indicado é a reposição de testosterona. Se a causa for o uso de drogas, a suspenção delas trará resultados em curto prazo, mas se o problema for identificado de maneira tardia, a regressão será mais lenta.

A cirurgia plástica consiste em remover parte do tecido glandular e da gordura ao redor do mamilo e é indicada pois a ginecomastia pode causar problemas emocionais e de auto estima.

News Medibel