AGENDE SUA CONSULTA 

Powered by ChronoForms - ChronoEngine.com

  • cirurgia plastica medibel
  • 1

Quais os benefícios da Cirurgia Plástica?

  • Publicado em Segunda, 18 Agosto 2014 17:15

Quais os benefícios da Cirurgia Plástica?

Os benefícios da cirurgia plástica vão além dos benefícios estéticos, muitos aspectos funcionais do corpo podem ser melhorados e corrigidos através de procedimentos cirúrgicos realizados por profissionais qualificados.

Autoestima

Através da cirurgia plástica, a probabilidade do paciente se sentir confiante em relação ao seu corpo é muito grande. Em alguns casos, o paciente procura soluções cirúrgicas para resolver problemas de saúde e acaba resultando em uma estética mais bonita.

Saúde

Cirurgias como a plástica de nariz (rinoplastia) e a redução de mama podem, respectivamente, sanar problemas como desvio de septo e dor nas costas. Obtendo assim, além de um resultado estético, um resultado benéfico para a saúde.

Ficar mais atraente

Pessoas que realizam cirurgias estética, muitas vezes, querem melhorar a aparência para se sentirem melhor com o próprio corpo. Após realizar o procedimento cirúrgico o paciente fica mais à vontade para usar roupas que antes não usava, e as roupas acabam “vestindo” melhor, o que resulta em uma convivência social mais agradável.

A manutenção da saúde

Normalmente, após realizar um procedimento cirúrgico, as pessoas tendem a trabalhar para manter seu corpo saudável e com aparência agradável, ou seja, é comum pessoas que passaram por cirurgias plásticas sintam-se mais confortáveis para praticar exercícios físicos.

A cirurgia plástica oferece muito benefícios, mas não podemos deixar de citar que ela também oferece alguns riscos, por isso o paciente deve sempre procurar médicos especializados e qualificados em cirurgia plástica, para que eles possam analisar e orientar o paciente com os devidos cuidados a serem tomados. Uma cirurgia só é realizada com sucesso quando existe parceria entre o paciente e o médico.

Entre em contato com a Medibel, clínica de cirurgia plástica em São Paulo e tire todas as suas dúvidas referente a procedimentos cirúrgicos e estéticos.

Perguntas frequentes sobre a Ginecomastia

  • Publicado em Quarta, 06 Agosto 2014 16:53

O que é a Ginecomastia?

Ginecomastia é uma condição masculina resultante da hipertrofia das glândulas mamárias. É comum em meninos de 11 a 12 anos devido às alterações hormonais ocasionadas na puberdade. É necessário diferenciar a ginecomastia da pseudoginecomastia, que caracteriza-se pelo depósito excessivo de gordura sob o mamilo sem haver aumento do tecido glandular.

 

Como é feito o exame?

O paciente se deita de costas e com as mãos entrelaçadas sob a nuca. O médico palpa a mama, se a análise revelar um tecido firme, mas de consistência elástica, distribuído de forma concentrada ao redor do mamilo é caracterizado como ginecomastica. Na pseudoginecomastia a consistência será de gordura acumulada.

 

Quais as causas da ginecomastia?

A proliferação de glândulas mamárias é resultado de mecanismos do organismo que alteram o equilíbrio entre a testosterona e os estrógenos. No fim da puberdade, antes que a secreção de testosterona tenha alcançado os níveis da vida adulta, o organismo pode produzir maiores quantidades de estrógenos, que são suficientes para causar o crescimento mamário. Homens com idade por volta de 70 anos podem ser afetados pelo hipogonadismo, que resulta numa diminuição da produção de testosterona, o que também afeta o equilíbrio hormonal e pode resultar no aumento das glândulas mamárias.

Outras causas são o hipertireoidismo e a insuficiência hepática, que é mais comum em homens gordos, pois o tecido gorduroso produz enzimas capazes de converter alguns percussores da testosterona em estrógenos.

O uso de diuréticos, anti-hipertensivos, cimetidina (usada para reduzir a acidez gástrica), anabolizantes e remédios usados no tratamento de câncer de próstata pode hipertrofiar as mamas.

 

Como tratar a ginecomastia?

Para que o tratamento seja eficaz é necessário que a causa seja identificada, e só um médico especialista é capaz de identificar e indicar o melhor tratamento. Se houver hipogonadismo, por exemplo, o tratamento mais indicado é a reposição de testosterona. Se a causa for o uso de drogas, a suspenção delas trará resultados em curto prazo, mas se o problema for identificado de maneira tardia, a regressão será mais lenta.

A cirurgia plástica consiste em remover parte do tecido glandular e da gordura ao redor do mamilo e é indicada pois a ginecomastia pode causar problemas emocionais e de auto estima.

Diferentes técnicas de lipoaspiração

  • Publicado em Segunda, 28 Julho 2014 14:52

Lipoaspiração, lipoescultura, vibrolipoaspiração, minilipo e lipoaspiração a laser. São tantos nomes, mas qual a diferença entre cada tipo de cirurgia plástica? Confira:

Lipoaspiração

Um dos tipos de cirurgia plástica mais populares, a lipoaspiração,também conhecida como lipoplastia,é uma técnica cirúrgica para retirar o excesso de gordura localizada por meio de sucção feita com uma fina cânula introduzida na camada subcutânea gordurosa. Essa cânula é ligada a um aparelho que suga de maneira controlada o tecido adiposo (gordura).

Lipoescultura

É um tipo de lipoaspiração em que a gordura retirada da paciente é enxertada em outras partes do corpo a fim de “esculpi-lo”, preenchendo, aumentando e modelando as estruturas flácidas, depressões ou áreas com pouco tecido adiposo. As áreas que mais recebem o enxerto na lipoescutura costumam ser glúteos, face, mãos e mamas.

Vibrolipoaspiração

Também chamada de vibrolipo, a vibrolipoaspiração é uma técnica menos invasiva. Utiliza aparelhos que fazem a cânula vibrar, assim o cirurgião plástico não precisa utilizar a força, provocando menos traumas. O procedimento torna o pós-operatório menos doloroso e diminui o sangramento durante a cirurgia.

Minilipo

É uma lipoaspiração de pequeno porte, caracterizada por aspirar menos gordura corporal e por dividir o procedimento em partes, sendo feita geralmente em clínicas ou consultórios. A técnica é muito procurada por ser menos dolorosa e propiciar uma recuperação mais rápida em relação à lipoaspiração tradicional, porém está mais sujeita a irregularidades. Além disso, cirurgias plásticas devem ser feitas em hospitais adequados, por questões de segurança.

Lipoaspiração a laser

Consiste na liquefação (derretimento) da gordura por meio de um laser. Em seguida é feita a aspiração.

É importante destacar que, independente da técnica utilizada, todos os procedimentos são lipoaspirações e devem ser feitos por um cirurgião plástico especializado, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e em hospital preparado para esse tipo de intervenção cirúrgica, a fim de garantir o sucesso da cirurgia plástica e a saúde da paciente.

Drenagem linfática

  • Publicado em Segunda, 28 Julho 2014 14:46

A drenagem linfática é uma técnica de massagem que visa estimular o sistema linfático - uma rede complexa de vasos que movem fluidos pelo corpo - a trabalhar de forma mais acelerada. O processo, que   elimina o excesso de líquido e as toxinas, pode ser feito de forma manual, mecânica ou por meio da eletroestimulação. A técnica é aplicada com movimentos de pressão leve, suave, rítmica, lenta e precisa.

Entre as aplicações mais conhecidas da drenagem linfática, como tratamento de celulite e melhoria da aparência da pele, é comprovado que ela auxilia significativamente no pós-operatório de grande parte das cirurgias plásticas, proporcionando muitos benefícios.

O que ocorre é que após uma cirurgia, a pessoa normalmente retém uma quantidade de líquido maior do que o corpo consegue drenar. A drenagem linfática atua reduzindo a retenção hídrica, melhorando a circulação sanguínea e até mesmo aliviando as dores. A massagem também auxilia na remoção de hematomas, redução de fibrose, além de acelerar o processo de cicatrização e a recuperação pós-operatória, aumentando a hidratação e a nutrição celular.

A drenagem linfática é fundamental para garantir bons resultados em casos de lipoaspiração e abdominoplastia, pois as células e placas podem ficar paradas na região abdominal devido à cirurgia, causando inchaço e deformidade, e a técnica ativa a circulação. Ainda assim, a drenagem linfática também é indicada em casos de mamoplastia, hidrolipoaspiração, blefaroplastia, rinoplastia, ritidoplastia, mastectomia total ou parcial, cirurgias de prótese de silicone, etc.

O procedimento de drenagem pós-cirúrgica deve ser feito no corpo todo para estimular a circulação linfática geral. Na área operada, o trabalho deve ser mais detalhado e direcionado, de maneira lenta e delicada com o intuito de diminuir o processo inflamatório provocado pela cirurgia.

O número de sessões deve ser decidido pelo cirurgião plástico, que determinará após quantos dias da cirurgia deverão ser iniciadas. Segundo profissionais, o tempo de espera varia de acordo com cada procedimento. Em casos de lipoaspiração, por exemplo, indica-se o início imediato, assim que a paciente suportar manipulações no local, o que geralmente ocorre entre o quarto e o quinto dia.

Cicatrizes em cirurgias plásticas

  • Publicado em Segunda, 28 Julho 2014 14:35

Muitos pacientes têm dúvidas a respeito de cicatrizes em cirurgias plásticas. As perguntas mais comuns são se existem cirurgias que não deixam cicatrizes, como elas são e se é possível tratar cicatrizes inestéticas.

Infelizmente, até mesmo as cirurgias plásticas, como qualquer tipo de cirurgia, deixam marcas. Porém, como tais procedimentos visam melhorar a estética, as cicatrizes tendem a ser as menores possíveis, sempre em locais estratégicos, de pouco evidência. Logo, aceitando o fato de que toda cirurgia plástica deixa cicatrizes, é preciso ter em mente que algumas variáveis podem influenciar na aparência das marcas.

Alguns fatores que resultam em cicatrizes inestéticas são inerentes ao paciente, ou seja, não dependem dele. Esses fatores podem ser genéticos, como em pessoas negras e asiáticas, que têm uma tendência maior a desenvolverem queloides, ou nutricionais, pois a alimentação influencia diretamente na cicatrização. Além disso, algumas patologias como diabetes, obesidade, falta de colágeno, distúrbios de coagulação, entre outras, interferem no desenvolvimento da cicatriz.

Outros fatores que podem ocasionar em más cicatrizes são de responsabilidade do cirurgião plástico. O médico, que deve sempre ser um profissional especializado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, deve tomar uma série de cuidados para evitar o problema. São eles: técnica cirúrgica aguçada, limpeza da área operada, qualidade dos instrumentos utilizados, etc.

Há ainda os fatores pós-operatórios, que são de responsabilidade do paciente. Mesmo que possua uma boa genética e o cirurgião plástico tenha feito tudo segundo as recomendações médicas, o paciente precisa tomar alguns cuidados para evitar que a cicatriz fique ruim. Para garantir uma boa cicatrização é preciso obedecer as recomendações do médico sobre o uso de medicamentos prejudiciais, esforços físicos, limpeza do local, etc.

Alimentação adequada

  • Publicado em Segunda, 28 Julho 2014 14:25

Está pensando em fazer uma cirurgia plástica? Seja qual for o tipo de cirurgia, saiba que alguns hábitos são fundamentais para tornar a recuperação mais rápida. Entre as recomendações pré e pós-operatórias, a alimentação é um fator decisivo para garantir bons resultados, seja ajudando na cicatrização, seja para manutenção das formas adquiridas após a cirurgia.

Uma alimentação saudável antes da cirurgia plástica ajuda o organismo a se recuperar mais rápido e melhor. Segundo especialistas, a dieta deve começar antes da cirurgia e durar, pelo menos, até o término da recuperação. Alguns hábitos como tabagismo, alcoolismo e sedentarismo são prejudiciais para qualquer intervenção cirúrgica, especialmente, no pós-operatório, portanto devem ser evitados.

No pré-operatório a alimentação é importante devido à necessidade de controlar o metabolismo e o apetite. O acompanhamento nutricional é essencial para evitar que o paciente coma em excesso devido à ansiedade. Já no pós-operatório, os bons hábitos devem ser mantidos tanto para acelerar a recuperação quanto para evitar ganho de peso, pois sem uma alimentação correta, o corpo pode voltar à forma física anterior.

Alimentos que auxiliam a recuperação pós-operatória

  • Alimentos ricos em vitamina C, como espinafre, brócolis, tomate, pimentão e frutas cítricas, que ajudam na cicatrização;
  • Vitamina A, encontrada em alimentos amarelos como abóbora, cenoura e mamão, primordial para o processo de reparação do tecido;
  • Peixes e frutos do mar, ricos em zinco, também auxiliam o processo de cicatrização;
  • Selênio, encontrado na castanha-do-pará e no arroz, por exemplo, ativa o metabolismo celular, ou seja, retira as células desvitalizadas e forma novas células.

Alimentos que devem ser evitados após a cirurgia plástica

Alguns alimentos devem ser evitados. Entre eles estão os embutidos como presunto, salsichas e salames; os molhos prontos utilizados em saladas e no preparo das refeições, como o molho de tomate e o shoyu; além de alimentos enlatados, como milho e ervilha. A quantidade de sal na hora de fazer a comida deve ser moderada, afinal, muitos alimentos já possuem sódio, que é responsável pela retenção de líquido, podendo deixar o corpo inchado.

Cirurgia plástica pós-parto

  • Publicado em Segunda, 28 Julho 2014 14:13

A maioria das mamães não se sente bem com o próprio corpo após dar a luz. Mamas flácidas, acúmulo de gordura e flacidez no abdômen são as queixas mais comuns das gestantes, o que faz com que muitas recorram à cirurgia plástica para recuperar a antiga forma.

Porém, segundo especialistas, não é recomendável se submeter à cirurgias plásticas nos primeiros 6 a 8 meses após o parto. O que ocorre é que durante esse período o corpo passa por importantes transformações hormonais e adaptações orgânicas, e antes de realizar uma cirurgia estética, é necessário que o corpo tenha voltado ao normal. É importante ressaltar que esse tipo de cirurgia não é um recurso para emagrecimento, mas sim para trazer maior harmonia estética.

Entre as cirurgias plásticas mais requisitadas por quem acabou de ganhar neném estão a mamoplastia (prótese de mama), a lipoaspiração e a abdominoplastia. O tipo de cirurgia é indicado de acordo com as necessidades de cada paciente.

A mamoplastia é utilizada para a correção das mamas, que geralmente ficam flácidas devido ao grande aumento e diminuição de tamanho em curto espaço de tempo. Muitas vezes as pacientes desejam a aplicação de próteses de silicone também. A cirurgia plástica nos seios só é indicada após seis meses do término da amamentação.

Para dar fim à gordura localizada, o procedimento indicado é a lipoaspiração, que deve ser feita somente depois que a paciente recuperar seu peso ideal, a fim de garantir um resultado satisfatório. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, só é permitido retirar entre 3% e 5% do peso da paciente.

Já a abdominoplastia corrige a flacidez muscular e remove o excesso de pele e gordura em todo o abdômen. A indicação dos especialistas é que seja feita em quem já teve filhos e não pretende engravidar novamente, pois caso a paciente passe por outra gestação, será necessário realizar uma nova cirurgia, porém os resultados não serão os mesmos.

Vale frisar que em todos os casos, a paciente deverá seguir as restrições do pós-operatório, que exigem repouso e nada de levantar peso. Para quem tem um bebê em casa, isto pode ser um desafio. Outra dica importante é escolher o profissional adequado. Só realize cirurgias plásticas com profissionais membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, em hospitais especializados. Seguindo todas as recomendações você garante não só um resultado satisfatório do ponto de vista estético, como também a sua saúde.

Como ficar com corpo de Angel da Victoria’s Secret

  • Publicado em Segunda, 09 Junho 2014 18:58

Fica em Nova York um dos segredos mais bem guardados dos corpos perfeitos das Angels da Victoria’s Secret. As barrigas negativas de Doutzen Kroes e Candice Swanepoel e o corpo delineado pós-gravidez deAdriana Lima devem muito às aulas de pular corda, conhecidas como Aerojump, dadas pelo expert Michael Olajide Jr., que comanda a academia Aerospace NYC.

As cordas precisam ser ajustadas à altura do “pulador” (pisando no meio dela, os cabos precisam estar na altura das axilas) explica Michael, que foi campeão de boxe na categoria peso-médio e precursor do uso do treinamento como técnica de condicionamento físico. A aula começa com alguns poucos e rápidos exercícios de alongamento. Depois, a música acelera, e Michael lidera o grupo que começa a pular na modalidade básica (um salto para cada giro da corda).

Em meia hora de aula do Michael é possível queimar 700 calorias, além de tonificar os músculos das pernas, glúteos e secar o abdômen. Fica fácil entender por que as Angels viciaram na prática. “Quando as meninas daVictoria’s Secret estão em Nova York, treinamos praticamente todos os dias, mas elas vivem uma rotina maluca e estão sempre viajando. Mesmo assim, é minha tarefa ensinar exercícios eficientes, que possam ser reproduzidos sem a minha presença, em qualquer canto do mundo”, explica Michael.“Por isso, transformei o treino com corda em uma de suas atividades principais e um passo importante para a manutenção de seus corpos.”

Para as iniciantes, a dica é ter paciência e manter os pulsos bem articulados. Confira o vídeo abaixo e comece já!

A nova coleção inspirada na copa da Miss Calla

  • Publicado em Segunda, 09 Junho 2014 18:45

A Miss Calla é uma loja de roupas em atacado que está em três endereços no Brás. Aos sábados, no endereço da rua Miller, 517 as vendas são feitas também no varejo!

moda-calla2

A nova coleção está linda e bem a cara do Brasil. Dá para usar as roupas no dia a dia e até para torcer no estádio com muito estilo! São blusinhas, saias e vestidos que têm estampas alegres e com as cores da bandeira sem ficar over.

moda-calla

Adorei os acessórios usados no lookbook. As peças são soltinhas e ficam lindas com sandálias ou tênis.

moda-calla3

Veja o vídeo com o making off da campanha:

Se você quer saber mais da marca acesse o site deles clicando aqui. Curta no facebook ou siga no instagram.

Endereços da Miss Calla:
Rua Bresser, 71 / Rua Miller, 517 / Shopping Mega Polo Moda – BRÁS

Quer conhecer mais lojas do Brás? Entre no portal www.omelhordobras.com.br e descubra as melhores do loja de moda feminina, masculina e até evangélica!

Dica de livro de moda: A Parisiense

  • Publicado em Segunda, 09 Junho 2014 18:42

Que a França é o lugar onde se respira moda todo mundo já sabe mas quais são os segredos das parisienses para se vestirem tão bem?

Ines de la Fressange –reconhecidamente uma das mulheres mais elegantes do circuito fashion e símbolo do ‘chic’ francês atemporal – conta o que aprendeu sobre estilo e beleza durante décadas de experiência na indústria da moda no livro “A Parisiense”.

Captura de Tela 2014-06-09 às 09.10.26

a modelo Ines de la Fressange

O livro dá conselhos de como se vestir com o encanto das parisienses e sugere um guarda-roupa a partir de apenas sete itens básicos e bons acessórios, que garantem produções práticas e elegantes. Possui também fotografias de moda, nas quais a modelo é sua filha, e desenhos assinados pela própria Ines.

moda-Ines-chanel

Inès e o kaiser Karl Lagerfeld, diretor criativo da Chanel

O livro é útil e informativo ao mesmo tempo que é engraçado. As dicas valem para qualquer época e é um ótimo investimento para a sua biblioteca de moda.

moda-a-parisiense

Imagem tirada do blog “espaconeidedantas” que mostra a capa do livro e algumas páginas de fundo

O mais legal do livro são as dicas de onde comprar online, onde comprar em Paris e também a lista de pecados Fashion. Vale a pena o investimento.

News Medibel